Canadá reabre as portas para seus estudantes internacionais

Patrick de Souza
01/11/20

Image
Imagem não definida

Meses após o início da pandemia do novo coronavírus, o Canadá está flexibilizando a entrada de estudantes internacionais. No início das contaminações, o país implementou as restrições de viagens como medida preventiva contra a disseminação do vírus. Porém, no último dia 20 de outubro, o Immigration, Refugees and Citizenship Canada modificou as restrições, permitindo que alunos possam viajar para o país desde que se enquadrem em alguns requisitos. 

As primeiras restrições começaram no dia 18 de março deste ano, e os únicos com permissão para entrar no país eram seus residentes permanentes, estrangeiros que viajavam com finalidades essenciais, cidadãos e os registrados pelo Canada’s Indian Act. Medidas preventivas como a quarentena obrigatória de 14 dias ao chegar no país ainda eram obrigatórias.

Com as alterações feitas pelo IRCC, as Designed Learning Institutions (DLIs) que já possuem um plano contra o COVID-19 receberam a permissão de acomodar novamente seus alunos vindos de outras partes do mundo. Colleges, universities e outras instituições educacionais com permissões de receber estrangeiros podem ser classificadas como DLI.


Como faço para entrar no Canadá?

O estudante que desejar entrar no país não pode apresentar nenhum sintoma do COVID-19, deverá apresentar os documentos necessários para comprovar seus estudos no país e sua instituição deve ser considerada uma DLI. Familiares (cônjuge e filhos dependentes) do estudante podem acompanhá-lo caso tenham um motivo de viagem não opcional, como ajudá-lo a se estabelecer no país. Eles não poderão viajar antes do próprio estudante.

A lista de DLIs com plano aprovado contra o COVID-19 pode ser encontrada no próprio site do IRCC. Ela será atualizada conforme novas instituições apresentarem seus próprios planos. Para que se enquadre nas exigências, a instituição precisa especificar como irá apoiar seus estudantes, os auxílios que irá oferecer e as medidas de saúde que os estudantes precisam ter tomado antes da viagem.

As coletas de biometria ainda não estão sendo realizadas pelas unidades dos VACs (Visa Application Centres) no Brasil. As unidades ainda estão fechadas para o público, mas estão desde o dia 27 disponibilizando o serviço de Passport Submission, no qual não é preciso ir pessoalmente apresentar seu passaporte no VAC, podendo enviá-lo pelo correio caso requerido. Segundo o consultor de imigração Willian Santos, caso um aplicante já tenha realizado a biometria alguma vez desde maio de 2013 e a mesma esteja válida, ele estaria isento de uma nova coleta para obter um visto temporário de viagem ao país.

Caso o estudante internacional deseje entrar no Canadá por outro motivo que não seja estudar, ou seu programa de estudos tenha sido cancelado, sua viagem será negada. Todos os estrangeiros ainda estarão sujeitos à quarentena obrigatória de 14 dias antes de entrarem oficialmente no país.

Vídeo:


Saiba Mais
Postado por Patrick de Souza
Jornalista formado pela Universidade Estadual Paulista, atualmente trabalhando como freelancer.

Destaques

Descontos em Parceiros

Clique no parceiro para gerar o Voucher de Desconto.
Copyrights © 2020 SINCLOUD. All Rights Reserved.
Photo credit: Incedogroup.com, Freepik
contato@brasileiroscanada.com·